sexta-feira, 28 de setembro de 2007

Setembro

Tenho frio
e lembro-me
daquele Setembro de sempre
quando o vento varria o tempo
da calçada.

Por dentro
era madrugada
e só as folhas contavam segredos.

Ao longe
um sol
alinhado ao centro

e a tristeza era bem-vinda
e mais bonita
por ser Setembro
e madrugada.

2 comentários:

OrCa disse...

É bom apreciar ocasionalmente a tristeza, quando se gosta da vida... Principalmente no Outono.

Beijos.

herético disse...

"bon jour, tristesse"!...

muito belo.